Jardim com Pedras – 46 Decorações para Se Inspirar!

Para quem está procurando inspirações para decorar o jardim com pedras, vale a pena conferir nossa seleção especial! É uma ideia melhor que a outra, modelos de jardim com pedras para você escolher de acordo com o seu estilo e decorar a área externa da casa de um jeito lindo e encantador!

Nesse cantinho do jardim, as pedras azuis deram o efeito de lago, com direito a simpáticos animais decorativos. 

Aqui foram utilizadas pedras maiores em uma composição com plantas e vasos gigantes.

Pedras dolomitas são sempre excelentes para decorar jardins. Nesse canteiro foram usados modelos maiores.

O jardim colado ao muro usou grama e um mix de pedras, criando um efeito visual incrível!

Nesse jardim de inverno, modelos diferentes de pedra: brancas, grandes e um caminho com textura interessante. Já para decorar a parede, pedras de São Tomé.

Nessa espécie de caleidoscópio, foram usadas pedras-cascalho negras e brancas, contornando a planta.

Os diferentes tipos de pedra formaram uma espécie de mat para o buda decorativo poder meditar. 

Dois tons de pedra foram usados para forrar esse canteiro, na região central de um condomínio.

Nesse canteiro, uma combinação de pedras de argila expandida, cascalho, brita e grama.

Pedras dolomitas ajudaram a forrar esse encantador canteiro de cactos, aliado às pedras de argila expandida, que ajudam a reter água. 

Tipos de pedra variados contornam o canteiro, que ainda ganhou um lindo ornamento com marcações de estrela.

Pedras cascalho contornam as pedras dolomitas, criando um canteiro que lembra um lago de pedra.

Gramado, plantas bem verdes e pedras de brita brancas e amarronzadas trazem mais beleza para essa entrada.

Pedras de diferentes tamanhos dão um charme a mais nesse canteiro, que ainda recebe a visita de formigas decorativas.

Pedras dolomitas também são destaque nesse canteiro de buchinhos, que dá mais beleza à grama.

Olhem que visual interessante é proporcionado pelas pedras dolomitas nesse canteiro, com plantas variadas e vasos decorativos!

Aqui, as pedras aparecem em segundo plano. O destaque fica por conta da composição de vasos de argila.

Há duas trilhas para seguir: a de cascalho negro e a de pedras dolomitas brancas. Contornando tudo isso, arbustos coloridos e belíssimas pedras escovadas na cor bege.

Nessa área externa com piso laminado, as pedrinhas brancas dão mais destaque ao canteiro.

Aqui, a área coberta pelas pedrinhas brancas também foi a única parte com terra que restou no quintal, para o crescimento (e alegria!) das plantas.

Parece até o curso de um rio no meio da Floresta Amazônica visto do alto, mas é só um canteiro delicadamente ornado com pedrinhas brancas.

Tinha uma pedra no meio do caminho, ou no meio do quintal! Aqui, pedra cascalho e pedras maiores compõem o visual.

Nessa entrada da residência, pedra cascalho e pedra brita formam uma ilhota em meio à grama.

No gramado, uma composição de bromélias imperiais e pedras de maior porte, forradas em pedras dolomitas, dão um toque clássico à entrada da casa.

Um passarinho de verdade também adoraria passar um tempo nesse canteiro, onde as pedras são o ponto alto.

A divisão da área externa também é marcada por essas pedras decorativas, dispostas por cima de brita, com o colorido especial das plantas.

O visual desse canteiro é deslumbrante, com esse tipo de pedra cascalho colorida, com tom azulado. É um verdadeiro rio de pedras!

O jardim de suculentas, em uma área externa mais rústica, ganhou um aspecto desértico com esses seixos naturais.

A composição de pedras ficou tão harmônica que parece até uma obra de arte! Entre elas, pedras dolomitas, pedras de rio e brita.

Outra composição interessante em um canteiro de suculentas, onde a verticalidade impera. A base é de pedrinhas beges e pedras escovadas.

Neste canteiro as pedras forram o solo, mas também são estrelas na decoração com pedras maiores e na parede, conferindo um aspecto texturizado.

O granito lança as bases para esse canteiro com muito verde e muro de ripas de madeira, sendo contornado por brita.

Que tal um yin-yang de pedras no meio do jardim? O artefato de buda dá uma ideia de guardião para o bonsai.

Nessa área externa espaçosa e sofisticada, um canteiro com pedras mais rústicas acompanha a mureta de pedra.

Ops! Alguém deixou o vaso cair e derrubar todas as pedras! Ou será um efeito programado?

Nessa área externa, a mesma ideia de água sendo derramada, com um vaso de argila caído e pedrinhas azuis compondo o visual. O formato lembra até um violão, para os mais criativos!

Esse canteiro foi cuidadosamente desenhado ao lado da grama com pedras de rio brancas e marrons trazendo contornos sinuosos.

Veja Mais!

Que tal esse canteiro arredondado, onde, além dos tons de verde, as pedras decorativas trazem mais beleza ao jardim? Em meio a elas, um personagem passa quase camuflado.

Nesse canteiro, as pedras ao estilo “toras” formam uma charmosa mureta. Forrando o solo, pedrinhas brancas. Já as pedras-cascalho e dolomitas contornam as plantas harmonicamente.

Nessa composição arredondada, circundando a mini palmeira, pedras-cascalho e brita branca.

Pedras de rio forram esse harmonioso canteiro, montado próximo à área de estacionamento, sendo perfeito para ornamentação.

Pedras dolomitas contornam a barra desse canteiro, que é composto ainda por lâminas de tronco e plantas coloridas. 

Mais uma vez, as pedrinhas azuladas fazem as vezes de riacho neste canteiro cuidadosamente decorado.

Em mais uma área externa, suculentas crescem em meio ao canteiro decorado com pedras de rio.

Lado a lado com o gramado, pelo menos três tipos de pedra decoram o canteiro, sem contar com as peças no muro rústico e a fonte desativada. 

Nesse canteiro, mais um caminho sinuoso é formado por pedras decorativas, emoldurando as plantas que crescem junto à janela.

Jardins